• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

SINTESPB convoca servidores para ato público em defesa da universidade pública

Servidores, alunos e professores vão às ruas contra os cortes orçamentários do Governo Bolsonaro

Publicado: 14 Maio, 2019 - 17h19 | Última modificação: 14 Maio, 2019 - 17h26

Escrito por: Lúcia Figueiredo

Divulgação
notice

Na nesta quarta, 15 de maio, será realizada a Greve Nacional da Educação. Professores, estudantes e servidores técnico-administrativos federais, estaduais e municipais vão paralisar as atividades em todo o país contra os sucessivos ataques do governo Bolsonaro ao setor e contra o desmonte da educação pública, de qualidade e gratuita. O dia é uma preparação para a Greve Geral dos trabalhadores e trabalhadoras, marcada pelas centrais sindicais para 14 de junho.

A programação, na capital paraibana, começa às 8h., com concentração no Lyceu Paraibano. No mesmo horário, extensionistas e pesquisadores estarão não mais no Parque da Lagoa, como já anunciado, mas no Ponto de Cem Reis, mostrando à população paraibana sua produção científica e os serviços prestados à sociedade pela universidade. Uma caminhada sairá do Lyceu, passando em direção ao Ponto de Cem Reis, onde acontecerá um ato político. Ainda como parte da programação da Greve Nacional da Educação, a Assembleia Legislativa, através de propositura da deputada Cida Ramos, estará promovendo uma audiência pública sobre o corte de verbas nas universidades federais, que será realizada , às 14:30 h., no auditório Ariano Suassuna, do Tribunal de Contas do Estado, localizado à Rua Professor Geraldo Von Sohsten,147, no Bairro de Jaguaribe.

Na manha desta terça-feira, o SINTESPB, cumprindo calendário de mobilização aprovado em asse3mbleia geral, realizou uma panfletagem em frente ao ambulatório do Hospital Universitário Lauro Wanderley, onde aconteceu também a oferta de alguns serviços a exemplo do teste de glicemia.

Serviço

15/05 Greve Nacional da Educação

Concentração Lyceu Paraibano
Horário: 8h
Atividade com panfletagem, carro de som e falas das lideranças sobre os cortes na educação e a reforma da Previdência

Educação na Praça
Local: Ponto de Cem Réis
Horário: 9h
Atividade com apresentações culturais e tendas de serviços com atendimentos na área de saúde, educação, direito, entre outros.

Audiência pública promovida pela Assembleia Legislativa
Local: Auditório Ariano Suassuna – Tribunal de Contas do Estado
Horário: 14:30h.

Fonte: SintesPB