• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

CUT-PB e Sindicatos realizam ato no “Dia de Luta em Defesa dos Serviços Públicos"

A mobilização acontece nesta quarta-feira (30) a partir das 9h no Ponto de Cem Réis, em João Pessoa

Publicado: 29 Setembro, 2020 - 12h41 | Última modificação: 29 Setembro, 2020 - 13h06

Escrito por: Ascom CUT-PB

Divulgação
notice
O objetivo da manifestação é denunciar o projeto da reforma administrativa.

Nesta quarta-feira (30) será realizado o “Dia Nacional de Lutas em Defesa dos Serviços Públicos e Estatais contra a Reforma Administrativa”, organizado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), demais centrais e movimentos populares.

A CUT-PB e entidades do estado realizam um ato simbólico a partir das 9h no Ponto de Cem Réis, em João Pessoa.

O objetivo da manifestação é denunciar o projeto da reforma Administrativa que tem como principal objetivo o desmonte dos serviços públicos e direitos dos servidores. De acordo com o presidente da CUT-PB, Tião Santos, aqui na Paraíba o ato será a primeira ação do calendário programado de resistência contra a Reforma para as próximas semanas.

“Este ato será onde as centrais sindicais e os movimentos populares vão externar e denunciar as maldades que este governo pretende fazer com a classe trabalhadora, através desta Reforma. Esse tem sido o primeiro passo para privatizar o serviço público”, denunciou o presidente da CUT-PB. “Essa medida não afetará apenas o servidor público, mas a sociedade como um todo, que pode perder o serviço público que lhe é de direito”, apontou.

Ainda de acordo com Tião Santos, o ato será realizado em segurança, obedecendo aos protocolos da saúde e orientações da vigilância sanitária. “Pedimos que todos os participantes e entidades vão de máscara, mantendo a distância de segurança. Vamos lutar pelos nossos direitos mas também precisamos preservar a saúde do nossos companheiros e companheiras que estarão ao nosso lado, assim como nós, lutando e reivindicando contra as maldades deste governo”, concluiu.

A CUT-PB integra a organização do ato, junto com a ADUFPB – Associação dos Docentes da ufpb, SintectPB - Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos da Paraíba, Frente Povo sem Medo, CSP-Conlutas, Frente Brasil Popular, CTB - Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil e a Intersindical - Central da Classe Trabalhadora.

Próxima agenda

Já na próxima semana, mas ainda sem data definida, será realizada uma plenária para que as centrais sindicais e movimentos populares planejem estratégias de resistência e luta para promover o debate sobre o combate à Reforma Administrativa na Paraíba.

A agenda programa um ato no próximo dia 28 de outubro, Dia do Servidor Público. De acordo com o presidente da CUT-PB, a data será celebrada com um grande ato em defesa da categoria.  “Ao invés de comemorações e festas, no dia 28 de outubro, faremos um dia de reflexão, luta e resistência. A CUT está à frente articulando este movimento e acredito que vamos consegui”, afirmou.