• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

CUT-PB, centrais e frentes realizam plenária nesta quarta-feira

Nesta quarta-feira (10), às 17h, a CUT-PB, com as centrais CTB, NCST e Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo devem realizar plenária no Sintep para discutir as mobilizações da sexta-feira (12).

Publicado: 09 Julho, 2019 - 22h15 | Última modificação: 10 Julho, 2019 - 06h12

Escrito por: Elara Leite

Divulgação
notice

Nesta quarta-feira (10), às 17h, a CUT-PB, com as centrais CTB, NCST e Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo devem realizar plenária no Sintep para discutir as mobilizações da sexta-feira (12), Dia Nacional em Defesa da Educação, do Emprego e da Aposentadoria.

A decisão de realizar uma nova plenária foi tomada em discussões nesta segunda-feira (8), com a presença de onze entidades, entre elas a CUT-PB. Os presentes concordaram em realizar nesta sexta-feira (12), um dia de coleta de assinaturas contra a Reforma da Previdência na Lagoa. No local da coleta, foi sugerido dispor um notebook para simulação da aposentadoria.

Outra sugestão foi distribuir panfletos e expor faixas com as fotos dos parlamentares que defendem a reforma. Os detalhes das atividades serão definidos na plenária desta quarta-feira (10), às 17h, no Sintep.

“Precisamos dar visibilidade aos nomes dos deputados que estão votando a fator da reforma e contra os direitos dos trabalhadores através de banners e cartazes. Uma das propostas para levar para a próxima plenária é fazer uma campanha de outdoor com as fotos desses deputados. A CUT-PB convoca sindicatos de base cutista e de outras centrais, frentes, movimentos sociais a participar dessa plenária para concluir, amarrar os detalhes da sexta, se engajando durante todo o dia na Lagoa para colher assinaturas contra esse projeto nefasto que já foi aprovado na comissão especial e agora está para votação no plenário. Vamos todos somar forças para derrotar esse projeto que veio para acabar com o direito do trabalhador de se aposentar. Sabemos que os mais prejudicados serão as mulheres e jovens. Vamos à luta porque temos forças para barrar esse projeto. Retomaremos o slogan ‘Se votar não Volta’ e o povo paraibano vai banir das urnas os deputados que votarem por essa reforma”, pontuou a Secretária de Comunicação da CUT-PB, presente à reunião.

Os participantes informaram que o Sintesp-PB tem uma assembleia convocada para esta semana, na qual deverá propor o apoio ao movimento da sexta-feira (12), com indicativo de paralisação. Outros informes foram referentes à feijoada solidária para tributo à Marielle Franco, o Encontro Estadual para a Marcha das Margaridas em Campina Grande e uma palestra sobre feminismo classista, atividades que também acontecerão esse mês.

Participaram da reunião as entidades: CUT-PB, gabinete da deputada Cida Ramos, Sindilimp, gabinete do Vereador Marcos Henriques (representado pelo próprio), AMB, PT, Sintef, Sintep, PSTU, PSOL e PCB.