• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Comitê Estadual pela Democratização da Comunicação realiza plenária nesta terça

O evento vai definir os membros do comitê da Paraíba que vão participar da 23ª Plenária Nacional do FNDC

Publicado: 29 Setembro, 2020 - 08h53 | Última modificação: 29 Setembro, 2020 - 09h14

Escrito por: Ascom CUT-PB

Divulgação/CUT-PB
notice
A CUT-PB é uma das instituições que integram o grupo da FNDC

O Comitê Estadual pela Democratização da Comunicação realiza nesta terça-feira (29), a partir das 18h30, uma plenária para definir os integrantes que vão participar da 23ª Plenária Nacional do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC).  A Central Única dos Trabalhadores da Paraíba (CUT-PB) é uma das instituições que integram o grupo que luta pelo direito humano à Comunicação e pela democracia na mídia.

A plenária estadual contará com a participação do presidente da CUT-PB Tião Santos, que fará uma análise da conjuntura do cenário político da atualidade de retrocesso, inclusive na Comunicação, e também o secretário de Comunicação adjunto da CUT Nacional, que integra a Direção Nacional do FNDC, Admirson Medeiros Ferro Júnior, conhecido como "Greg".

A secretária de Comunicação da CUT-PB, Lúcia Figueiredo, defende a importância da participação das entidades filiadas nesta reunião, que irá também escolher os membros que vão representar o Comitê estadual na 23ª Plenária Nacional do Fórum Nacional pela Democratização. “ Essa plenária do FNDC, que acontece totalmente de forma virtual, além de discutir os rumos que serão dados à luta pela democratização dos meios de comunicação no país também será escolhida a nova direção executiva do Fórum para o biênio 2020-2022, explicou”.

“Nesta conjuntura de retrocesso em que vivemos em relação a todas as políticas sociais não deveria ser diferente na comunicação, que também se constitui como um direito humano imprescindível a ser garantido. A luta do FNDC teve algumas conquistas significativas, mas com o avanço das forças retrógradas no país em especial, no Governo de plantão, voltamos à estaca zero, onde temos que brigar ainda pela livre manifestação do pensamento e pela liberdade de imprensa. Mais do que nunca os movimentos social e sindical, enfim toda  sociedade civil precisam se articular e se unir para definir estratégias de ação para combater essa conjuntura adversa”, disse. “Por isso a importância das entidades participarem e não deixarem o Fórum morrer”, apontou a secretária.

Luta em todo o país

A 23ª Plenária Nacional acontecerá nos dias 09, 13, 16 e 17 de outubro e terá sua programação 100% virtual. No evento haverá debates temáticos sobre os principais desafios das comunicações na atualidade, que serão transmitidos pela internet.

As inscrições para a Plenária do FNDC estão abertas até o dia 07 de outubro e deve ser realizada exclusivamente pelo site fndc.org.br. O custo da inscrição é de R$ 33.

Composto por mais de uma centena de entidades em todo o país, o FNDC é uma das principais organizações da sociedade civil brasileira na luta por políticas públicas democráticas de comunicação.